Portal com dicas e que apresenta as vantagens desta linha de crédito. Aqui você pode solicitar também o seu crédito!



Empréstimo Consignado: Modalidade vantajosa de empréstimo e de muita popularidade

O Empréstimo Consignado é aquele cujo pagamento das parcelas mensais é descontado diretamente em folha de pagamento de quem contrata. Isso significa que os bancos ou instituições financeiras têm um risco igual a zero quando realizam a operação. Entretanto, o valor do empréstimo oferecido pelas instituições é menor do que o das demais modalidades, em que os riscos de inadimplência são maiores.

O Empréstimo consignado é o que tem as taxas de juros mais atraentes no atual mercado financeiro brasileiro. Somente em janeiro de 2012 foram contratados R$ 6,8 bilhões nessa modalidade, segundo informações do Banco Central. Esse valor significou uma alta de 46,2% em relação a janeiro de 2011.

Os créditos consignados vinculados ao Ministério da Previdência Social, ou seja, concedidos a aposentados e pensionistas, beneficiários da Previdência corresponderam a R$ 2,9 bilhões no primeiro mês do ano, com um aumento anual de 26%.

Essas altas desmentem a tendência de diminuição do crescimento da demanda pelo empréstimo consignado, ocorrida em 2011. Anteriormente, desde 2004, essa modalidade vinha crescendo anualmente com taxas superiores a 20%. Entretanto, com medidas mais restritivas aplicadas em 2011, ao crédito em geral, a expansão havia se reduzido a 14% no ano passado.

Essa modalidade de empréstimo havia conquistado grande popularidade e seu ritmo de expansão declinou em virtude de aposentados e pensionistas, além de trabalhadores em geral, já estarem endividados com o consignado, até o seu limite. A consequência natural é de que haja uma diminuição do crescimento. Entretanto, no início de 2012, o que ocorreu é que muitas pessoas recorreram ao crédito consignado para pagar as dívidas que se acumulam no início do ano. O consignado é uma opção interessante porque possibilita pagar um outro financiamento com juros menores.

Segundo o Banco Central, os juros do empréstimo consignado costumam ser, em média, de 2,,04% ao mês, o que é bem inferior às demais alternativas de crédito pessoal, que estão em torno de 4,53% ao mês. Esse é o principal fator que atrai os consumidores. Até mesmo cresceram os casos de quem faz esse tipo de empréstimo para aproveitar a redução do valor do dólar e poder comprar produtos importados.

O empréstimo consignado (ou crédito consignado) é, portanto, um empréstimo com pagamento indireto e é muito utilizado por servidores públicos, funcionários de empresas privadas, militares, além dos aposentados e pensionistas.

O crédito pode ser concedido por uma instituição que tenha firmado um convênio com a empresa em que o empregado trabalha, com a entidade sindical ou qualquer instituição financeira de sua escolha. O empregador ou a Previdência Social devem fazer o controle desse empréstimo. O limite é até 30% do salário ou benefício.

Este tipo de empréstimo é considerado um dos mais vantajosos do mercado, por proporcionar crédito com rapidez e não é preciso aguardar muito tempo pela aprovação. O prazo de pagamento pode ser de até 60 meses, sem necessidade de consulta ao SPC e Serasa. A burocracia é menor, além de dispensar a necessidade de um avalista.

Alguns empréstimos consignados trabalham com taxas a partir de 1,5% ao mês, garantindo empréstimos com um valor mínimo de R$ 300,00. Com prazos maiores e parcelas pré-fixadas, representam uma opção atraente, desde que o valor a ser obtido não ultrapassem de 30% a 40% dos vencimentos mensais.

Para contratar o empréstimo consignado é preciso procurar o departamento de Recursos Humanos da empresa ou as agências bancárias que oferecem o crédito a aposentados e pensionistas. A maioria dos bancos oferece esse tipo de serviço. É preciso pesquisar as vantagens oferecidas e taxas de juros cobradas, de acordo com a renda de cada cliente.

Assim que o crédito é liberado, o pagamento começa a ser cobrado através das parcelas mensais debitadas automaticamente do contracheque ou benefício, de acordo com os prazos contratados.

O empréstimo consignado é uma boa opção para as pessoas que utilizaram os limites do cheque especial, onde os juros cobrados são bem maiores. Mais ainda se estão devendo para um cartão de crédito, com juros de 10% a 12% ao mês. No entanto, como o pagamento das mensalidades passa a ser descontado do salário, é preciso calcular se ele não comprometerá futuramente os compromissos com outras despesas essenciais. A não ser que você tenha outras fontes de renda, o crédito consignado fará com que o seu salário ou aposentadoria seja reduzido, o que exige um bom planejamento do orçamento para verificar se existe folga para cobrir o empréstimo. Agindo com cautela, é possível utilizar o empréstimo consignado com segurança.

Sobre o autor: Jeniffer Elaina da Silva

Jeniffer Elaina trabalha como Editora freelancer, tendo mais de três anos de experiência em escrita e revisão de artigos para web. É formada em Marketing com pós-graduação em Administração de Empresas na FGV Bauru. Sua maior paixão é poder compartilhar conhecimentos e aprender um pouco mais a cada dia.