Teve o pedido de empréstimo reprovado? Entenda os motivos!

29, março, 2019
Jeniffer Elaina da Silva

Está precisando de um dinheiro extra para resolver uma situação, mas teve o pedido de empréstimo reprovado? Acompanhe este artigo e entenda os motivos possíveis para essa recusa.

Ninguém está isento de precisar de um dinheiro extra, em algum momento da vida, no entanto, conseguir um empréstimo nem sempre é tão fácil quanto parece. Existem muitos motivos que podem levar a reprovação de um empréstimo pessoal.

Se você tentou fazer um empréstimo e não teve sorte precisa acompanhar este artigo. Nele você entenderá porque teve o pedido de empréstimo reprovado. E quais são os principais e mais importantes motivos para isso.

Teve o pedido de empréstimo reprovado? Entenda os motivos!

Imagem: Getty Images

Entenda porque você teve o pedido de empréstimo reprovado

Uma das principais fontes de pesquisa utilizadas pelas instituições financeiras para a liberação ou não de um crédito para uma pessoa física, ou jurídica é um sistema de pontuação chamado por Score de Crédito.

Esse sistema de pontuação considera informações de créditos fornecidas por empresas como o Serasa e o SCPC. Os clientes com pontuações maiores são considerados como aqueles que possuem mais chances de cumprir com seus débitos.

Já aqueles com pontuações menores são os que possuem menos chances de arcar com seus compromissos financeiros, ou seja, possuem um maior risco de inadimplência. Essa pontuação é baseada em estatísticas e dados pessoais de cada pessoa ou empresa, sendo vinculada ao CPF ou CNPJ.

No entanto, este não é único motivo que pode fazer com que você tenha o pedido de empréstimo reprovado. Conheça mais alguns deles a seguir:

  1. Dados desatualizados ou errados: no momento da solicitação muitas pessoas tendem a fornecer dados desatualizados ou mesmo incorretos sobre seus documentos pessoais, informações bancárias, etc.;
  2. Nome sujo: outro impedimento para conseguir um empréstimo é estar com o nome sujo, ou CPF, ou CNPJ negativado. Esse tipo de restrição mostra que o solicitante tem contas pendentes, o que o torna uma pessoa inadimplente;
  3. Histórico de pagamentos: outro fator observado é o histórico de pagamentos do solicitante. Ou seja, se ele paga suas contas em dia, ou geralmente atrasa os pagamentos;
  4. Condições de pagamento: para que um empréstimo pessoal seja liberado é preciso que o valor das parcelas de seu pagamento não ultrapasse a margem de 15% do rendimento do solicitante;
  5. Valor solicitado: caso o valor solicitado no empréstimo supere 30% do seu rendimento mensal, esqueça, você não conseguirá o empréstimo;
  6. Perfil do solicitante: é importante que o solicitante possua um vínculo empregatício e uma fonte de renda estável. Por isso, é comum, funcionários públicos conseguirem um empréstimo mais facilmente do que autônomos;

Esses são os principais motivos pelo qual seu pedido de empréstimo foi reprovado. Se você ainda tiver dúvidas sobre esse assunto, vale a pena procurar por um profissional da área e pedir mais informações.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Prestamos um serviço completamente gratuito para você
NUNCA faça qualquer tipo de depósito para conseguir seu empréstimo. Ficou com dúvida?
Leia nossos artigos para fazer um empréstimo seguro!
Pular para a barra de ferramentas